domingo, agosto 29, 2010

Seminário: "A Floresta é um Recurso Estratégico?" - Espinhal



Inscrições e Informações:
manuela.ferraz@cm-penela.pt
Até 2 de Setembro

Feira do Mel, no Espinhal



A Vila do Espinhal a partir do dia 3 de Setembro recebe a XXI edição da Feira do Mel. Este que é o principal evento de promoção e valorização do Mel produzido na Região Demarcada do Mel da Serra da Lousã.

Os Apicultores do concelho, bem como da Lousã, Arganil, Pampilhosa da Serra, Miranda do Corvo, etc , todos eles inseridos na Região Demarcada da Serra da Lousã, estarão presentes com o melhor mel da região.

O principal objectivo desta Feira é o promover e divulgar o Mel da Região demarcada da Serra da Lousã contribuindo, assim, para a valorização de uma actividade que, apesar complementar, não deixa de ter uma relevância crescente na economia doméstica de muitos agregados familiares da região.

Numa clara demonstração do melhor que é produzido pelos apicultores do concelho e da Região Demarcada do Mel da Serra da Lousã, a XX Feira do Mel decorre no domingo (dia 5), constituindo uma oportunidade privilegiada para provar o mel produzido na região e alguns dos seus doces derivados, designadamente, os licores e aguardentes, o vinagre, as velas de cera de abelha ou as compotas e doces.

Ao longo de três dias, ocupam ainda lugar de destaque neste certame os produtos endógenos certificados, nomeadamente, o queijo "Rabaçal" e o vinho "Terras de Sicó", bem como, algumas empresas e instituições que contribuem para o desenvolvimento do concelho de Penela e da região.

À semelhança dos anos anteriores, o certame conta ainda com muita animação musical e não só…
PROGRAMA


3 SETEMBRO | SEXTA-FEIRA



19h30 - Abertura das Tasquinhas, Praça da República
20h00 - Inauguração da Exposição de Fotografia
“Espinhal - Ontem e Hoje”
21h30 - Animação com PORTFOLK
23h00 - Concerto com a banda DIAPASÃO


4 SETEMBRO | SÁBADO



09h00 - Passeio BTT Espinhal-Ferraria S. João
09h30 - “Dias de Sicó” Passeio Pedestre
por terras de água e mel, a partir da Louçainha
14h30 - Seminário “A Floresta é um Recurso Estratégico?”
tenda no Parque de Lazer da Quinta da Cerca
20h00 - Reabertura das Tasquinhas
21h00 - Entrega de prémios de mérito escolar
23h00 - Animação com TERRA NOSTRA
24h00 - After Hours com os DJ's Paulo Granado e Luís da Silva
tenda no Parque de Lazer da Quinta da Cerca




5 SETEMBRO | DOMINGO


08h00 - Recepção do Apicultor
08h30 - Mercado de Agricultura Tradicional
09h00 - XXI FEIRA DO MEL DO ESPINHAL
11h00 - Recepção às Entidades Oficiais e Prova de Mel
11h30 - Arruada pela Sociedade Filarmónica do Espinhal
12h00 - Reabertura das Tasquinhas
12h30 - Inauguração da Requalificação do Centro Histórico do Espinhal
13h00 - Almoço volante do Apicultor
15h00 - Animação de rua
16h00 - Festival de Folclore
22h00 - Baile com o conjunto com Duo Tecla

Há coisas do Diabo...


“Governo pára tudo menos TGV

Primeiro-ministro tem de meter no saco, as obras de regime que projectou para o seu mandato.
Só o o TGV continua, porque estão assumidos compromissos com os espanhoís. O PS vai agora propor a suspensão de todas as grandes empreitadas, com prejuízo de centenas de pequenas empresas que continuam a trabalhar os projectos dos aeroportos de Alcochete e Beja e da Terceira Travessia do Tejo. É a última oportunidade de poupança, antes de o país entrar em bancarrota.”
in Diabo

Sim senhor, estamos servidos, vamos todos ficar a ver o metro, por um canudo, maldito o dia em que se iniciaram as obras.

domingo, agosto 22, 2010

Este Domingo todos os caminhos vão dar ao Senhor da Serra


O auge do santuário foi no século XVII, mas ainda assim, continuam a ser muitos os que, anualmente, se deslocam a Miranda para cumprir as suas promessas
Aproxima-se o dia mais importante da romaria ao Divino Senhor da Serra, na freguesia de Semide, Miranda do Corvo, e o santuário aguarda os milhares de fiéis que todos os anos, por esta altura, se deslocam até ali para fazer as suas preces, e muitos para cumprir as suas promessas.
Este Domingo é dia de peregrinação e de encerramento da romaria, o programa compreende uma série de manifestações religiosas que visam acolher os fiéis e rezar ao Divino Senhor num dos poucos santuários do país que não é mariano.
«O dia principal é no domingo», conta o padre João Paulo, responsável pelas paróquias de Semide e de Rio de Vide, explicando que as celebrações duram «a manhã toda e a tarde».
Considerado o maior santuário da região Centro, desde o século XVII até às aparições de Fátima, o local atraía milhares de fiéis vindos de todo o país, muitos deslocavam-se mesmo a pé, em peregrinação e sinal de devoção ao Senhor. Hoje em dia, conta o padre João Paulo, os peregrinos são maioritariamente oriundos da região, até porque, reforça, «o auge do santuário foi no século XVII». «Ainda vêm de várias zonas, mas sabemos que este santuário já não é o que era», conta o pároco, lembrando que o «Santuário de Fátima está a aumentar» e que por isso, alguns templos vão perdendo peregrinos.
Ainda assim, diz quem por lá passa todos os anos, que «a sensação de tranquilidade» que se sente no local é única e indescritível.
A somar à peregrinação anual, que já por si tem uma estrutura própria e enraizada na região, o evento enquadra-se este ano no Ano Sacerdotal, que já terminou, no dia 19 de Junho, mas que foi bastante assinalado naquele local, que foi um dos santuários jubilares escolhidos pela Diocese de Coimbra, para a realização de peregrinações.
Hoje, as celebrações começam às 9h00, com uma missa, a que se seguem mais duas, uma às 11h00, transmitida pela Rádio Renascença, e outra às 12h00. Ao início da tarde, às 15h00, Tiago Silva protagoniza um concerto de órgão e às 16h00 tem lugar mais uma missa e unção dos doentes. As vésperas e adoração eucarística decorrem a partir das 18h00 e às 21h30 os fiéis podem acompanhar o terço.

quarta-feira, agosto 18, 2010

Em nome do progresso, encerram-se escolas por este país fora...



O Ministério da Educação divulgou hoje a lista das escolas do 1.º ciclo que já não abrem em Setembro. Norte é a região mais afectada com o encerramento de 384 estabelecimentos. Só em Lamego deixam de funcionar 21.

O ministério já tinha anunciado que iriam encerrar 701 escolas no ano lectivo 2010/2011, mas ainda não tinha divulgado a lista da escolas. A informação está disponível nas páginas das direcções regionais de educação.

No Algarve fecham 12 escolas do 1.º ciclo com menos de 20 alunos, quatro das quais em Loulé. O Norte e Centro (152) são as regiões mais afectadas com os encerramentos das escolas. O encerramento destas 701 escolas encerra a reforma iniciada há quatro anos pelo Ministério da Educação.

No Concelho de Miranda do Corvo encerra a EB do Espinho, em Penela, fecham as seguintes escolas: EB Carvalhal de Santo Amaro, EB Podentes, EB Cerejeiras, EB Fetais Cimeiros, EB Rabaçal. Da lista não consta nenhuma escola da Lousã.

Um certo desencanto, vai varrendo o país, de norte a sul, condenando o interior à desertificação humana e material.
Afinal que país queremos para o século XXI?
Com tudo encerrado e ainda há quem vislumbre aqui um sinal de progresso?
Só um cego não vê o que se está a passar.
Em cinco anos encerraram 1200 escolas...
Sinal paradigmático dos novos tempos... (os da maçonaria)!

Consulte aqui as listas:

http://dn.sapo.pt/DNMultimedia/DOCS+PDFS/Escolas_a_Encerrar/Norte.pdf

http://dn.sapo.pt/DNMultimedia/DOCS+PDFS/Escolas_a_Encerrar/Centro.pdf

http://dn.sapo.pt/DNMultimedia/DOCS+PDFS/Escolas_a_Encerrar/Lisboa%20e%20Vale%20do%20Tejo.pdf
http://dn.sapo.pt/DNMultimedia/DOCS+PDFS/Escolas_a_Encerrar/Alentejo.pdf
http://dn.sapo.pt/DNMultimedia/DOCS+PDFS/Escolas_a_Encerrar/Algarve.pdf


domingo, agosto 15, 2010

Exposição ''Aves do Açor. Um percurso por montes e vales''


De 5 de Julho a 31 de Agosto
Local Sala de Exposições Temporárias do Núcleo Sede do Ecomuseu da Serra da Lousã
Organização ICNB, I. P.

Dia Mundial da Juventude celebrado com entrada gratuita nas piscinas


A Câmara Municipal de Miranda do Corvo celebra o dia mundial da juventude, 12 de Agosto, proporcionando aos jovens do concelho entrada gratuita nas piscinas municipais da Quinta da Paiva e de Vila Nova. 

Os dias de calor que se têm feito sentir são convidativos a uma tarde de descanso junto a uma piscina e desta forma a autarquia presenteia todos os jovens do concelho, até aos 25 anos, a fazê-lo.

As piscinas de Vila Nova e da Quinta da Paiva são dois locais extremamente aprazíveis e duas infra-estruturas de elevada qualidade.

A piscina da Quinta da Paiva funciona todos os dias das 10h às 13h e das 14h às 20h. A piscina de Vila Nova, por seu lado, funciona todos os dias entre as 15h30 e as 19h30.

Além destas duas piscinas, o concelho de Miranda do Corvo dispõe ainda de uma piscina municipal em Semide e de uma praia fluvial em Segade.

Ecos de órgão no Mosteiro de Semide


No próximo dia 15 de Agosto, pelas 18 horas, o Mosteiro de Semide vai acolher o segundo concerto de uma série de 4, integrados no programa Ecos de Órgão 2010, promovido pela Delegação Regional da Cultura do Centro, com o apoio da Câmara Municipal de Miranda do Corvo. 

O concerto será interpretado pelo organista João Santos que vai percorrer um programa bastante variado: Joahnn Kaspar Kerll (1627-1693) Passacaglia Ex D, Johann Jakob Froberger (1616-1667) Ricercar Iv (1656), Girolamo Frescobaldi (1583-1643) Toccata Per L’elevazione (Messa delli Apostoli), Capricio Sopra La Bassa Fiamenga, Christian Erbach (1568-1635) Toccata Primi Toni, Andrea Gabrieli (c.1532-1585) Canzon Ariosa Toccata Del 6. Tono, Jan Pieterszoon Sweelinck (1562-1621) Fantasia Ut Re Mi Fa Sol À 4, SWWV 263 e Georg Muffat (1653-1704) Toccata Duodecima Et Ultima.

João Santos é licenciado em Música Sacra pela Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa (UCP) - Porto, onde estudou com Luca Antoniotti (Órgão, nota máxima em exame), Eugénio Amorim (Composição e Direcção de Coros), Cesário Costa (Direcção de Orquestra), Anselm Hartmann (Piano), José Paulo Antunes (Liturgia), entre outros.

Iniciou os estudos musicais no Seminário Diocesano de Leiria e em 1996 ingressou na Escola de Música do Orfeão de Leiria (EMOL), obtendo, em 1997, o primeiro prémio "exaequo" do escalão B do 1º Concurso Jovens Organistas da cidade do Lis. João Santos alcançou também o terceiro prémio no Terceiro Concurso de Composição Coral (2001) da ACAL (Associação de Coros da Área de Lisboa) e, em 2002, recebeu o prémio "Jovens Compositores", no primeiro concurso para Bandas "Maestro Silva Dionísio" com a obra "Antologia", interpretada durante do XXI Festival de Música em Leiria.

Em 2004, foi apresentada em primeira audição a sua obra "Summa Augustiniana" para coro, barítono, saxofone, sinos, tímpanos e órgão, encomendada pela diocese de Leiria para a comemoração do Ano Agostiniano. Foram também apresentadas em primeira audição as seguintes obras: "Dies Natalis" para coro, órgão, piano e clarinete solo (2003), "Jesu Dulcis Memoria" para coro, piano e sinos (2005) e "O Quarto Sinal" para orquestra de cordas (2005).

João Santos foi o representante português em 2004 e 2005 do projecto europeu "Church Organs, Mobility of Traditions" inserido no Programa Sócrates, no qual contactou com organistas como Theo Jellema, Wolfgang Zerer, Michel Bouvard, Jan Janssen, François Espinasse, entre outros.

Efectuou vários recitais de órgão tanto no país (Leiria, Aveiro, Porto, Mafra) como no estrangeiro (Rheiner Orgelsommer, Alemanha). Lecciona Órgão na EMOL e na Academia de Música do Orfeão de Ovar. Lecciona também Técnicas de Composição na UCP- Porto. É organista e director do coro da Catedral de Leiria.

O Mosteiro de Semide tem cerca de 10 séculos de história. Foi inicialmente uma casa masculina que foi convertida em convento feminino em 1183, sendo a sua 1ª Abadessa D. Sancha Martins, descendente de Martim Anaia que foi quem concedeu a 1ª carta de povoamento a Semide. A actual igreja, onde se realizará o concerto é seiscentista e ao longo da sua história foi sofrendo várias obras que a foram enriquecendo com diversos estilos arquitectónicos e decorativos, entre eles o barroco e o rococó.

O órgão da igreja do Mosteiro de Semide é de carácter ibérico com 5 corpos de tubos, situa-se na parede do fundo, no coro, exibe uma caixa de estilo rococó, atribuindo-se a sua construção a António Xavier Machado e Cerveira em 1796, tendo sido recentemente restaurado.

Estão assim reunidas todas as condições que permitirão realizar um concerto memorável, quer pela envolvência do espaço, quer pela mestria do executante quer pelo rico reportório que será interpretado.

quinta-feira, agosto 12, 2010

Festa em honra de Nossa Senhora da Nazaré, em Penela


Bom, eventualmente isto não estará para festas, o cartaz poderá não ser grande coisa...

Mas, a tradição ainda é o que era, naquela que me parece ser a festa mais genuína de Penela. 

domingo, agosto 08, 2010

Acidente de viação atinge Bombeiros Voluntários de Penela


Viatura embateu com outra carrinha, capotou e incendiou-se, quando se dirigia para o Cadaval 
Cinco elementos dos Bombeiros Voluntários de Penela ficaram ontem feridos na sequência de um acidente que ocorreu, cerca das 7h30, na Estrada Nacional 17-1, quando se dirigiam para o Cadaval, concelho de Miranda do Corvo, para combater um incêndio. O carro da corporação e uma outra carrinha seguiam em sentidos opostos, quando à saída de uma curva na localidade de Meroucinhos embateram, causando o capotamento da viatura de Penela, que se incendiou.
De acordo com o comandante Raúl Vasconcelos, não se pode falar, exactamente, em choque frontal, porque a frente do carro civil colidiu já com a parte do tanque do carro de combate a incêndios, que ficou inutilizado.
Na sequência do acidente, os cinco elementos dos Bombeiros de Penela, com idades entre os 23 e 33 anos, sofreram ferimentos sem gravidade, tendo sido transportados para o Centro Hospitalar de Coimbra, de onde receberam alta ainda ontem. Já o condutor e único ocupante da carrinha ficou encarcerado, sofreu ferimentos com alguma gravidade e teve necessidade de ser sujeito a uma intervenção cirúrgica a uma fractura exposta nos Hospitais da Universidade de Coimbra.
De acordo com Raúl Vasconcelos, este foi o acidente de maior gravidade da história dos Bombeiros Voluntários de Penela. Apesar da perda da viatura de combate a incêndios florestais, o comandante ontem apenas estava preocupado com a recuperação dos elementos da corporação, deixando para mais tarde as diligências para substituir o veículo acidentado.
O acidente em Meroucinhos mobilizou 37 bombeiros apoiados por 13 viaturas, entre elas seis ambulâncias, um carro de desencarceramento e duas viaturas médicas de emergência e reanimação, informou o Centro Distrital de Operações de Socorro.
Durante as operações, a via esteve cortada ao trânsito durante cerca de hora e meia, tendo reaberto, de forma condicionada, pelas 9h00.



Fonte: Diário de Coimbra

sexta-feira, agosto 06, 2010

72ª Volta a Portugal em Bicicleta

· Horário previsto de passagem: Entre as 14h15m e as 15h00m

Locais de passagem pela Lousã e por Miranda do Corvo:


Vale de Vaz (estrada da beira)

Variante a Foz de Arouce (N236)

Rotunda do Freixo

Matinhos

Padrão

Variante com destino a Miranda do Corvo (EN342)

Miranda do Corvo

Lamas

Mais em:

http://www.volta-portugal.com/index.php



segunda-feira, agosto 02, 2010

Soma e segue, Feira de Velharias em Miranda do Corvo

Começa a ser um sucesso, que o diga o público que acorre cada vez mais à Feira de Velharias, realizada na Praça José Falcão, em Miranda do Corvo, no primeiro domingo de cada mês. Ontem, dia 1 de Agosto de 2010, teve lugar mais uma feira de velharias. Em conversa apurei que para lá dos estrangeiros que nos visitam (ingleses e americanos), já há antiquários nacionais, a deslocarem-se dos lugares mais recônditos do país, desde Lisboa, Porto, Coimbra, Guarda ou até mesmo da Figueira da Foz, estando inclusive a feira de velharias de Miranda do Corvo já referenciada nos sites da especialidade e ameaça tornar-se num caso sério. Vi ainda alguns lousanenses conhecidos que não perdem a feira.


Esta feira encontrou na Praça José Falcão, o espaço ideal para o decurso da iniciativa. Apesar de ser Verão e o calor convidar para outros mergulhos, surpreendeu-me mais uma vez a quantidade de gente, que por ali deambulava em busca duma peça única, telefones antigos, máquinas de escrever, gira discos, máquinas fotográficas, livros antigos, livros em inglês, louças, roupas, sapatos, discos de vinil, cassetes de VHS, cartuchos, bobinas, CD, DVD, quadros, chãs, plantas aromáticas, jóias, por lá havia um pouco de tudo, tendo inclusive uma turista nacional referido que parecia uma «mini feira da ladra».


Uma iniciativa que, por certo mereceria outro tipo de carinho por parte do município mirandense, que por vezes parece alheado daquilo que parece ter interesse para o concelho.


Os quadros do Zé Penicheiro estavam aqui, a 3000 Euros cada um(!)


Mais espantado fiquei eu com um amigo meu, que por cerca de 75 euros comprou a discografia completa de Elvis Presley (parece história, mas é verdade, foi à minha frente).


Para além disso, a feira é um local óptimo para se desenfurrejar o inglês, atenta a quantidade de ingleses e estrangeiros que nos visitam.


Muitos dos vendedores estrangeiros e nacionais rumaram aos restaurantes da vila, para almoçar, tendo-me alguns perguntado onde se poderia comer uma boa chanfana…


Mais uma vez, os fundos apurados (inscrições) reverteram para a Associação do Cedro para animais – Casais de S. Clemente, em colaboração com Câmara Municipal de Miranda do Corvo.


Embora as fotografias apresentam a data de 31.07.2010, estas foram obtidas em 01.08.2010. Ainda não consegui acertar com o relógio da máquina!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...