domingo, fevereiro 13, 2011

Serenata ao Metro

“Então, estão todos convidados para comparecerem às 18h00 em frente à Câmara Municipal de Coimbra para cantarmos uma serenata ao Metro.

Para além de nos divertirmos, é uma forma de mostrarmos todos, mas todos, incluindo os munícipes de Coimbra, de que estamos prontos a defender aquilo que era nosso e nos foi retirado. Refiro obviamente ao comboio da linha da Lousã.

Temos naturalmente o apoio incondicional do Movimento Cívico de Lousã e Miranda e, também, de Armindo Gaspar, presidente da APBC, Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra.

Vamos lá boa gente, comecem já a ensaiar a letra e até segunda-feira, às 18h00 na Praça 8 de Maio:

Serenata ao Metro


Namorámos, não me calas,
enganador de adulação,
mandaste-me fazer as malas,
fiquei à espera na estação;

Penetraste-me e eu deixei,
encheste o meu coração,
de promessas engravidei,
meu malandro de afeição;

Ó METRO VEM À JANELA,
VEM SENTIR A MINHA DOR,
NÃO POSSO VIVER SEM TI,
VEM CÁ FORA MEU AMOR;

Agora só tenho esperança,
de voltares para mim um dia,
não penses quero vingança,
só não quero esta agonia;

Podes até vir no trem,
só, na tua simplicidade,
sonha lá a mais de cem,
guarda para ti a vaidade”.

António Luís Fernandes Quintans

Mais informação


1 comentário:

LUIS FERNANDES disse...

Boa, Mário. Vamos lá a puxar pela clientela desta afamada casa. Tudo em força para Coimbra, segunda-feira. Não venham com a desculpa que não virão por causa da falta do Metro...isso não vale. Peguem no burro, no boi, a pé, e vamos lá gente boa. É um espectáculo único em Portugal. Os artistas partirão imediatamente para o Egipto.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...