domingo, agosto 22, 2010

Este Domingo todos os caminhos vão dar ao Senhor da Serra


O auge do santuário foi no século XVII, mas ainda assim, continuam a ser muitos os que, anualmente, se deslocam a Miranda para cumprir as suas promessas
Aproxima-se o dia mais importante da romaria ao Divino Senhor da Serra, na freguesia de Semide, Miranda do Corvo, e o santuário aguarda os milhares de fiéis que todos os anos, por esta altura, se deslocam até ali para fazer as suas preces, e muitos para cumprir as suas promessas.
Este Domingo é dia de peregrinação e de encerramento da romaria, o programa compreende uma série de manifestações religiosas que visam acolher os fiéis e rezar ao Divino Senhor num dos poucos santuários do país que não é mariano.
«O dia principal é no domingo», conta o padre João Paulo, responsável pelas paróquias de Semide e de Rio de Vide, explicando que as celebrações duram «a manhã toda e a tarde».
Considerado o maior santuário da região Centro, desde o século XVII até às aparições de Fátima, o local atraía milhares de fiéis vindos de todo o país, muitos deslocavam-se mesmo a pé, em peregrinação e sinal de devoção ao Senhor. Hoje em dia, conta o padre João Paulo, os peregrinos são maioritariamente oriundos da região, até porque, reforça, «o auge do santuário foi no século XVII». «Ainda vêm de várias zonas, mas sabemos que este santuário já não é o que era», conta o pároco, lembrando que o «Santuário de Fátima está a aumentar» e que por isso, alguns templos vão perdendo peregrinos.
Ainda assim, diz quem por lá passa todos os anos, que «a sensação de tranquilidade» que se sente no local é única e indescritível.
A somar à peregrinação anual, que já por si tem uma estrutura própria e enraizada na região, o evento enquadra-se este ano no Ano Sacerdotal, que já terminou, no dia 19 de Junho, mas que foi bastante assinalado naquele local, que foi um dos santuários jubilares escolhidos pela Diocese de Coimbra, para a realização de peregrinações.
Hoje, as celebrações começam às 9h00, com uma missa, a que se seguem mais duas, uma às 11h00, transmitida pela Rádio Renascença, e outra às 12h00. Ao início da tarde, às 15h00, Tiago Silva protagoniza um concerto de órgão e às 16h00 tem lugar mais uma missa e unção dos doentes. As vésperas e adoração eucarística decorrem a partir das 18h00 e às 21h30 os fiéis podem acompanhar o terço.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...