segunda-feira, agosto 29, 2011

XXII Feira do Mel

De 2 a 4 de Setembro a Vila do Espinhal, no concelho de Penela, vive dias doces com mais uma edição da já tradicional Feira do Mel.

Esta feira é uma das melhores formas de conhecer o mel produzido na Região Demarcada do Mel da Serra da Lousã, contribuindo, assim, para a valorização de uma actividade que, apesar de complementar, não deixa de ter uma relevância crescente na economia doméstica de muitos agregados familiares da região.

Adoce, pois a boca, porque vai ter uma oportunidade privilegiada para provar o mel produzido na região, bem como alguns produtos derivados, designadamente, os licores e aguardentes, o vinagre, as velas de cera de abelha ou as compotas e doces.

Ao longo de três dias, ocupam ainda lugar de destaque neste certame os produtos endógenos certificados, nomeadamente, o queijo "Rabaçal" e o vinho "Terras de Sicó", bem como, algumas empresas e instituições que contribuem para o desenvolvimento do concelho de Penela e da região.

E porque a animação musical também faz parte da tradição estão agendados espectáculos de música, com destaque para a aparição do projecto “ESPAÇOS EM VOLTA - encontro de artes”.

ESPAÇOS EM VOLTA 2011 é um encontro de arte contemporânea que propõe uma oferta artística qualificada através de um conjunto de exposições de artes plásticas, fotografia, espectáculos de música-dança e teatro, encontros abertos com artistas, residências artísticas, ateliês de formação e a criação original do cortejo teatral em comunidade 'Achadiços'.

2 SETEMBRO | SEXTA-FEIRA

17h00 – ESPAÇOS EM VOLTA (exposições de arte contemporânea)

21h00 – Entrega do PRÉMIO DE MÉRITO ESCOLAR "Alice Gonçalves"

23h00 – FADOS DE COIMBRA com Grupo Verdes Anos

3 SETEMBRO | SÁBADO

09h00 – Seminário florestal “A NOVA ECONOMIA DA FLORESTA?”, Casa da Cultura do Espinhal

10h00 – CAMINHADA “Por Terras de Água e Mel”, Pedra da Ferida

11h00 – ESPAÇOS EM VOLTA (exposições de arte contemporânea)

17h30 – Inauguração de Mural do Rosando, Largo da Fonte

21H30 – MALA DE CONTOS (teatro) Carlos Marques

23h00 – Baile com"DEXYS"

4 SETEMBRO | DOMINGO

08h00 – Recepção ao Apicultor

09h00 – XXII FEIRA DO MEL DO ESPINHAL

Mercado de Agricultura Tradicional

Mostra de Artes e Ofícios Tradicionais

10h00 – Arruada pela Sociedade Filarmónica do Espinhal

10h30 – Recepção às Entidades Oficiais e Prova de Mel

11h00 – ESPAÇOS EM VOLTA (exposições de arte contemporânea)

12h00 – Chegada dos ciclistas da "ROTA DO MEL" Santa Maria da Feira - Espinhal

13h00 – Almoço do Apicultor

15h00 – ACHADIÇOS Cortejo Teatral

16h00 – FESTIVAL DE FOLCLORE

22h00 – Baile com "Duo Tecla"



A Nova Economia da Floresta?


O Município de Penela convida-o a participar no Seminário “A Nova Economia da Floresta?”, que se realiza no próximo dia 3 de Setembro na Casa da Cultura da Vila do Espinhal, Concelho de Penela.

O evento, integrado na XXII Feira de Mel do Espinhal, pretende reunir proprietários e produtores florestais, técnicos e estudantes na área das ciências agrárias, produtores de mel, agricultores e demais interessados no desenvolvimento sustentável do património florestal e na salvaguarda dos recursos naturais do Concelho, promovendo a reflexão multidisciplinar e a dinamização de estratégias inovadoras que permitam a abordagem de uma nova visão na gestão e aproveitamento económico de recursos florestais.



PROGRAMA:


09h00 – Recepção aos participantes

09h30 – Sessão de Abertura

Jorge Pereira , Presidente da Junta de Freguesia do Espinhal

António Alves, Presidente da Câmara Municipal de Penela

Dr. João Marques, Presidente da Comunidade Intermunicipal do Pinhal Interior Norte

Eng. Amândio Torres, Presidente da Autoridade Florestal Nacional*

Moderador: Eng. Pedro Serra Ramos, Presidente de Direcção da Associação Nacional de Empresas Florestais, Agrícolas e do Ambiente (ANEFA)*

10h00 – APICULTURA, Eng.ª. Sandra Barbosa (Montesino – Mel de Montanha)

10h30 – MEDRONHEIRO, Paulo Silva (SILVAPA)

11h00 – MICOLOGIA, Eng. Pedro Capela (FungiFresh)

11h30 – Pausa para café

12h00 – PLANTAS AROMÁTICAS E MEDICINAIS, António Andrade (Planta do Xisto)

12h30 – SILVOPASTORÍCIA, Eng. Carlos Machado (Silviconsultores – Ambiente e Recursos Naturais)
13h00 – Debate

13h30 – Sessão de Encerramento

Eng.ª Sara Pereira, Directora Executiva da Associação para a Competitividade da Indústria da Fileira Florestal (AIFF)

Luís Oliveira Dias, Presidente da Flopen

Dr. Luís Matias, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Penela


*a confirmar


INSCREVA-SE AQUI:

https://spreadsheets.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dG92RDYtOWFrMzRIbjFtX2ExN29pZWc6MQ


Espaços em volta - encontro de artes no Espinhal


Não se esqueça esta iniciativa decorre entre 27 de Agosto a 4 de Setembro de 2011...

sábado, agosto 27, 2011

Espaços em volta - encontro de artes no Espinhal


Encontro de artes a realizar entre os dias 27 de Agosto e 4 de Setembro, na centenária vila do Espinhal.


Inauguração das Exposições, dia 27 de Agosto de 2011, pelas 17 horas, na Casa do Povo do Espinhal.

Para ampliar os desdobráveis, agradeço que dêem dois toques com o botão do lado direito do rato sobre as imagens...
Em jeito de aditamento:

O calendário do ESPAÇOS EM VOLTA - Encontro de artes foi desenhado em colaboração com a Junta de Freguesia do Espinhal e a Câmara Municipal de Penela de modo a articular-se com as iniciativas do programa da XXII FEIRA DO MEL com Exposições, Ateliês de Prática Artística, Espectáculos de Música e Teatro e o Cortejo Teatral dos "ACHADIÇOS".


ESPAÇOS EM VOLTA é um encontro de arte contemporânea que propõe uma oferta artística qualificada através de um conjunto de exposições de artes plásticas, fotografia, espectáculos de música-dança e teatro, encontros abertos com artistas, residências artísticas, ateliês de formação e a criação original do cortejo teatral em comunidade 'Achadiços' entre os dias 24 DE AGOSTO A 4 DE SETEMBRO.

quarta-feira, agosto 24, 2011

Circulação alternada e estradas bloqueadas

O desespero está a tomar conta dos automobilistas que tenham de percorrer diariamente quatro vezes por dia o percurso Miranda do Corvo-Lousã e vice-versa, devido às obras na EN 342 (via rápida) ou na antiga EN 342 (estrada velha), interrompida no Padrão.


Estes são forçados a paragens superiores a 15 minutos de cada vez que se façam à estrada, uma das vias está bloqueada com obras agora entre os Pegos e Miranda do Corvo e a circulação automóvel é alternada, devido aos semáforos da «via rápida».


Ufa... Desta vez, o sinal está verde...

Muita gente não entende o que anda a fazer a Sodrenagens, sob supervisão da Ascendi (uma firma de auto-estradas).


Há quem veja ali os cabos para a Televisão Digital Terrestre (tão amiga que é a Ascendi). Mas começa a ser voz corrente que iremos ser brindados com mais um presente, é verdade meus amigos, portagens electrónicas…


Especulações à parte, o futuro é laranja e a crise já lá vai neste Portugal…

Contudo, não se entende porque motivo se estão a desenrolar duas obras em simultâneo, ficando os automobilistas verdadeiramente encurralados. Assim, quem tenha de honrar compromissos e cumprir horários, não pode chegar a horas, visto não haver alternativas rodoviárias.



Para o efeito, todos os automobilistas mostram o cartão amarelo às Câmaras Municipais da Lousã e de Miranda do Corvo, à Ascendi, à Estradas de Portugal e à Sodrenagens pelo "timing" das obras e pela falta de planificação.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...