sábado, julho 28, 2012

Tora Tora Big Band em Miranda do Corvo


O novo disco da formação alargada de Lisboa é um manifesto anti-crise. Ritmos dançáveis, alegria e execuções do mais elevado nível é o que nos reservam estes dez músicos de proveniências musiciais e geográficas muito diversas.
Lisboa é a cidade que inspira a formar em 2001, uma orquestra de jazz que proporcione uma vibração efusiva de energia e calor sonoro. São a Tora Tora Big Band, um cocktail universal que reúne músicos de múltiplas nacionalidades, num poderoso naipe de metais e uma secção rítmica estrondosa.
Através dum repertório que cruza o Jazz e World Music, a sua aposta é renovar o velho conceito das antigas big bands que tocavam música para dançar, apresentado desta vez com elementos e tendências sonoras bem recentes como: Afro, Latin, Funk, Arabic, Trance, Reggae e Drum’n Bass.
Com um álbum editado em Março de 2007 “TORA TORA CULT”, nomeado pelo “Expresso” como um dos catorze melhores álbuns nacionais de 2007, o segundo registo de originais da banda, é o sucessor de “TORA TORA”. “TORA TORA” foi o disco de estreia, editado em Abril de 2006, também nomeado pelo “Expresso” como um dos treze melhores álbuns nacionais desse ano, passou pelo primeiro lugar de vendas na secção de Jazz da Fnac e teve um “feedback” bastante positivo por parte da imprensa.
Lars Arens, Luís Cunha – Trombones
Cláudio Silva, Johannes Krieger – Trompetes
Desidério Lázaro – Saxofone tenor e barítono
João Capinha – Saxofone alto
Dan Hewson- Piano
Francesco Valente – Contrabaixo
João Rijo – Bateria
Sebastian Scheriff – Percussões
Actuam no dia 28 de Julho pelas 21h30, na Praça José Falcão em Miranda do Corvo.
Inserido no evento “Serões de Verão de Gondramaz

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...