sábado, dezembro 20, 2008

Concurso para intervenção no troço Serpins-Miranda do Corvo é lançado terça-feira

«A secretária de Estado dos Transportes lança terça-feira, na Lousã, o concurso para a intervenção no troço Serpins-Miranda do Corvo, no âmbito do Sistema de Mobilidade do Mondego (SMM), disse hoje à Lusa fonte da sociedade Metro Mondego.

O SMM prevê para a ferrovia que liga Serpins (Lousã) a Coimbra a e para esta cidade a instalação de um metro ligeiro de superfície do tipo "tram-train", com capacidade para circular nos eixos ferroviários urbanos, suburbanos e regionais.


Após inaugurar, de manhã, as interfaces de Ceira (Coimbra), Miranda do Corvo e Lousã, a secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, vai anunciar o primeiro concurso público da fase de intervenção na infra-estrutura ferroviária do Ramal da Lousã.


As três interfaces, consignadas no início do ano, pela CP e sociedade Metro Mondego - orçadas em cerca de 1,8 milhões de euros, mais IVA - ficaram concluídas em Outubro, disponibilizando novas áreas de estacionamento e melhorando as zonas de circulação pedonal para os utentes do transporte ferroviário.

O programa da governante prevê a inauguração da interface de Ceira às 10:00, seguindo-se as de Miranda do Corvo e Lousã, com intervalos de meia-hora, e a cerimónia do anúncio da empreitada de reformulação do troço Serpins-Lousã, às 11:30, no Cine-Teatro da Lousã.


A intervenção no Ramal da Lousã será divida em três empreitadas - Serpins-Miranda do Corvo, Miranda do Corvo-Alto de S. João e Alto de S. João-Coimbra Parque -, prevendo-se que estejam concluídas em 2011.» in Oje

Foto - Mário Nunes





Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...