quinta-feira, fevereiro 09, 2012

Nasceram três ursos pardos no Parque Biológico da Serra da Lousã



Nasceram, no passado mês de Janeiro, três ursos pardos no Parque Biológico da Serra da Lousã, em Miranda do Corvo, que prometem atrair as atenções de crianças e adultos. Os pais das crias vieram de Espanha e o parque espera, com estes nascimentos, recuperar a população de ursos que se considerava extinta em Portugal.

Berta, a fêmea do casal de ursos pardos do parque, deu à luz três pequenos ursinhos que "pesam cerca de 300 a 400 gramas cada, são cegos e não têm dentes, como é normal aquando do nascimento", anunciou a Fundação ADFP, que trabalha com o Parque, em nota de imprensa. 

Estes nascimentos têm especial importância porque, de acordo com a entidade, "pensa-se que os ursos pardos se tenham extinguido em Portugal entre os séculos XVII e XIX, embora ainda tenham sido avistados no século XX".

Contudo, em 2005, foram encontradas pegadas de urso pardo em Espanha, a apenas 20 km de território luso, o que abre a possibilidade de que esta espécie entre no nosso país graças à sua capacidade de percorrer quilómetros num só dia. 

Segundo a Fundação ADFP, "o facto de a gestação ter vingado reforça as boas condições" em que os animais vivem, bem como "a boa alimentação a que estão sujeitos e o bom ambiente que, mesmo em cativeiro, o Parque Biológico da Serra da Lousã lhes proporciona".

No entanto, os responsáveis alertam para a possibilidade de, nos próximos meses, nem todas as crias virem a sobreviver devido à elevada taxa de mortalidade.

Embora o urso pardo não esteja ameaçado como espécie, várias subespécies correm perigo. Deste modo, "o Parque Biológico pretende mostrar este animal como elemento importante da fauna ibérica nativa e sensibilizar o público para a sua protecção".

Veja mais fotografias em:

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...